I. A ÉTICA COMO CIÊNCIA SECULAR



A ética é um aspecto da filosofia. A filosofia está segmentada em seis sistemas tradicionais: Política, Lógica, Gnosiologia, Estética, Metafísica e Ética. Para compreendermos melhor o sentido de ética, vejamos, de forma sintética, em que se constituem os outros aspectos aos quais ela está agregada no contexto filosófico. Dentre suas muitas acepções, filosofia é o saber a respeito das coisas, a direção ou orientação para o mundo e para a vida e, finalmente, consiste em especulações acerca de forma ideal de vida. em suma, é a história das ideias. Tudo isso sob a ética humana. Precisamos aferir o pensamento humano com os ditames (Aquilo se dita) da Palavra de Deus que são determinantes, peremptórios, (decisiva), finais. O homem, seja ele quem for, é criatura, mas Deus é o Criador (Os 11. 9; Nm 23. 19; Rm 1. 25; Jó 38. 4). Todos os campos de pensamentos e de atividades têm suas respectivas filosofias. Há uma filosofia da Biologia, da Educação, da Sociologia, da História, da Ciência, etc. Consideramos, entretanto, os seis sistemas acima mencionados que foram sistematizados por três antigos pensadores: Sócrates, Platão e Aristóteles.


Sistemas da Visão Filosófica de Sócrates, Platão e Aristóteles
a) Política
Procura definir quais são o caráter, a natureza e os alvos do governo ideal ou satisfatório.
b) Lógica
Aborda os princípios do raciocínio, sua capacidade, seus erros e suas maneiras exatas de expressão. “O raciocínio lógico leva você de ‘A’ a ‘Z’. A imaginação leva você a qualquer lugar”. (Albert Einstein).
c) Gnosiologia
Estuda o conhecimento em sua natureza, origem, limites, possibilidades, metas, objetos e objetivos.
d) Estática
Procura definir qual seja o propósito ideal orientador das artes. (Filosofia das Belas-Artes).
f) Metafísica
Estuda causas não materiais como Deus, alma, livre-arbítrio, imortalidade, o mal, etc...
e) Ética
É a investigação no campo da conduta o modo de viver de se comportar de maneira ideal.

Origem da Palavra:
 Ethos (grego) = costume, hábito, disposição. Mos (latim) = vontade, costume, uso, regra. Então entendemos que ética é a disposição ou a vontade de se seguir bons costumes ou hábitos.
Definições:
Ética Cristã é o conjunto de regras de conduta, para o cristão, tendo por fundamento a Palavra de Deus. Para nós, crentes em Jesus Cristo o certo e o errado devem ter como base a Bíblia Sagrada a nossa regra Áurea de fé e prática.

Conclusões

As abordagens éticas humanas são todas contraditórias. Como seus autores, humanos e falhos. Uma, como vimos, procura suprir as deficiências das outras. As abordagens éticas conflitam entre si, deixando um rastro de dúvida e confusão em suas aplicações. Por isso, devemos ficar com a Palavra de Deus que não confunde o crente nem pode ser deixada de lado ao saber dos meios, dos fins ou das situações. Para nós, crentes em Jesus Cristo o certo e o errado devemos ter como base a Bíblia Sagrada que é a nossa regra áurea de fé e prática.





KELLY, JND. Doutrinas Centrais da Fé. Ed. Vida Nova, São Paulo - SP. 1ª Edição 1994.
STOTT, Jonh. O Cristão em Uma Sociedade Não Cristã. Ed. Vinde Niterói RJ. 1ª Edição 1989.
KEELEY, Robin (org.) Fundamentos da Teologia Cristã. Ed. Vida, São Paulo - SP. 1ª Ed. 2000.
GOMES, Elizabeth. Ética nas Pequenas Coisas. Ed. Vida, São Paulo - SP. 1ª Ed. 1997 (3ª Impressão 2001).




Maique Borges


Avatar
Maique de Souza Borges, servo de Deus e ministro das insondáveis riquezas de Cristo Jesus revelada no Evangelho pela graça infinita de Deus, teólogo autodidata, estudante e amante da música sacra. Com o intuito de proclamar as Boas Novas, e convidar os brasileiros para voltarem à centralidade da Palavra de Deus, criou o blog Cooperadores do Evangelho. É casado com Poliana Borges e é o pai do Miguel.

PUBLICIDADE E COMENTÁRIOS


0 Comentários