Hermisten Maia Pereira da Costa*
RESUMO
Neste artigo, Costa analisa a teologia de Calvino referente ao culto, bem como a sua prática. Partindo substancialmente de documentação primária, descreve a influência recebida por Calvino quando permaneceu em Estrasburgo (1538-1541) pastoreando uma comunidade de refugiados franceses. Mostra, então, como o reformador estabeleceu os elementos essenciais ao culto: a Palavra, a oferta, a ceia, e a oração. tentando organizá-los de forma simples e coerente, harmonizando-os com os princípios das Escrituras. O autor sustenta que o culto, como resposta do homem a Deus, deve ser efetuado conforme as prescrições divinas: Deus não aceita um culto que contrarie a Palavra, sendo as Escrituras o elemento aferidor de toda a nossa adoração. Costa dá atenção especial à Santa Ceia, quando Calvino propõe mais uma vez uma cerimônia simples, sem as pompas da Idade Média; no entanto, insiste no sentido da maior como Calvino, seguindo Agostinho, deu ênfase à letra do que se cantava, enfatizando a necessidade de se cantar a Palavra de Deus. Mostra também a importância do cântico congregacional e a relevância dos salmos na adoração cristã. Conclui o artigo mostrando a importância da compreensão de todas as partes do culto dentro da perspectiva reformada, evidenciando que a questão litúrgica não é um ponto separado da teologia, mas algo que reflete as nossas convicções.
PALAVRA-CHAVE
João Clavino, teologia do culto, adoração, Santa Ceia, cânticos, salmos, obediência.
*O autor é Mestre e Doutor em Cinências da Religião, pastor da Igreja Presbiteriana Ebenézer, em Osasco (SP), e professor de Teologia Sistemática do Seminário Presbiteriano Rev. José Manoel da Conceição, em São Paulo.



Hermisten - O Culto na Perspectiva de Calvino digital version from Maique Borges

Por: Hermisten Maia Pereira da Costa
Visite: Portal Mackenzie


Hermisten Maia


Avatar
Hermisten Maia Pereira da Costa é pastor presbiteriano, teólogo calvinista e escritor. Foi coordenador do Departamento de Teologia Sistemática no Seminário Presbiteriano Rev. José Manoel da Conceição, em São Pauloe Diretor da Escola Superior de Teologia da Universidade Presbiteriana Mackenzie até fevereiro/2010. Tem cerca de 800 artigos publicados em diversos periódicos, 28 livros editados e centenas de textos que circulam, especialmente em seus cursos e conferências Também leciona na Universidade Presbiteriana Mackenzie (São Paulo) e na Faculdade de Teologia do Centro Universitário de Maringá (Paraná). Possui graduação em Pedagogia pela Universidade Presbiteriana Mackenzie (1993), graduação em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (1983), graduação em Teologia - Seminário Presbiteriano do Sul (1979), mestrado em Ciências da Religião pela Universidade Metodista de São Paulo (1999) e doutorado em Ciências da Religião pela Universidade Metodista de São Paulo (2003). Professor titular do Centro Universitário de Maringá e Professor Adjunto II da Universidade Presbiteriana Mackenzie. Sendo Professor e Pesquisador do Programa de Pós-Graduação em Ciências da Religião. Tem experiência na área de História, com ênfase em História da Reforma Protestante, atuando principalmente nos seguintes temas: João Calvino, Reforma Protestante e Teologia Sistemática.