O conhecido grupo ativista Ateus Americanos iniciou uma nova campanha nos Estado Unidos. Eles estão usando outdoors para estimular as pessoas a não irem à igreja no Natal. O foco primário foram os estados do sul, onde o índice de evangélicos é maior que no restante do país. A frase colocada ao lado da imagem de uma criança escrevendo uma carta é: “Querido Papai Noel, tudo que eu quero para este Natal é evitar a igreja! Estou velho demais para contos de fadas”.

O presidente da Ateus Americanos, David Silverman, declarou: “Até as crianças sabem que as igrejas vomitam absurdos, é por isso elas não querem participar dos cultos. Em vez disso, aproveite o tempo com sua família e amigos”. E arrematou: “Adultos de hoje em dia não têm a obrigação de fingir que acreditam nas mentiras que seus pais acreditavam. Está tudo bem admitir que seus pais estavam errados sobre Deus. Está mais certo ainda dizer a verdade aos seus filhos”
Os primeiros outdoors foram colocados nos estados do Tennessee, Missouri, Arkansas e Milwaukee. Os locais escolhidos foram justamente nas proximidades de escolas e igrejas, diferentemente de campanhas anteriores, quando os anúncios ficavam em áreas de grande concentração urbana, como a Times Square, em Nova York.
A campanha gerou maior polêmica na cidade de Jackson, Mississippi, por causa do conteúdo divulgado. Danielle Muscato, diretora de Relações Públicas do grupo, insiste que os anúncios são mais necessários no Sul, onde “a discriminação e desconfiança dos ateus é declarada mais enfaticamente.”

Pesquisas recentes comprovam que, ao contrário do que argumentam os ateus, a população americana valoriza mais o aspecto religioso do Natal. Apenas 22% acredita que a data é algo “mais cultural”. Além disso, apenas 33% dos entrevistados aceitam sem restrições o aspecto comercial do Natal. Ao mesmo tempo, 69% dos pesquisados afirmou que espera o período para se reunir a amigos e familiares. Com informações de The Christian Post.
Nota do BLOG do Pastor Renato Vargens
Enquanto isso, alguns dos evangélicos seguem "satanizando" o Natal. Pois é, os contrários a festa ao combater o Natal perdem uma excelente oportunidade de anunciar aos amigos, vizinhos e familiares que um menino nos nasceu, um filho se nos Deus e o governo está em seus ombros. A estes sugiro a leitura do artigo que escrevi denominado "Por acaso o Natal é uma festa cristã?" (aqui)
Pr. Renato Vargens
OBS: Notícia originalmente publicada no Gospel Prime (aqui)


Renato Vargens


Avatar - Renato Vargens
Renato Vargens é pastor sênior da Igreja Cristã da Aliança em Niterói, no Rio de Janeiro e conferencista. Pregou o evangelho em países da América do Sul, do Norte, Caribe, África e Europa. Tem 24 livros publicados em língua portuguesa e um em língua espanhola. É também colunista e articulista de revistas, jornais e diversos sites protestantes.