Hoje na história morre um dos personagens mais marcantes da história do cristianismo, Charles Haddon Spurgeon  (Kelvedon, Essex, 19 de junho de 1834 — Menton, 31 de janeiro de 1892).

Spurgeon (1834-1892) nasceu em Kelvedon, Inglaterra, em 19 de junho de 1834. Conheceu o Senhor aos 15 anos de idade. Sua teologia fluía de sua experiência com Deus e com Sua Palavra.
Pregou pela primeira vez aos 17 anos. Aos 19 anos já era pastor na Park Street Chapel, em Londres. A princípio um luar muito amplo, para mil e duzentas pessoas, porém frequentado por um pequeno grupo de fiéis. Em poucos meses o prédio não comportava mais a multidão e eles se mudaram para um outro auditório que comportava quatro mil e quinhentas pessoas!


A Igreja então resolveu alugar o Surrey Music Hall, o prédio mais amplo, imponente e magnífico de Londres, construído para diversões públicas. O culto inaugural deu-se em 19 de outubro de 1856. Quando o culto começou, o prédio no qual cabiam 12.000 pessoas estava superlotado e havia mais 10.000 fora que não puderam entrar.



Uma terrível catástrofe ocorreu neste dia. Ao início do culto, pessoas diabólicas se levantaram gritando “Fogo! Fogo!”, provocando um grande alvoroço e um saldo de sete pessoas mortas e vinte e oito gravemente feridos. Isto não impediu que o interesse pelos cultos aumentasse. Em 1854, começou a construir o Metropolitan Tabernacle, que foi concluído em 1861, local que comportava uma média de 5.000 pessoas a cada culto dominical, isto perdurando pelos próximos 31 anos, pregando ali até a morte.



O irmão Spurgeon pregou em cidades de toda a Inglaterra e noutros países, como Escócia, Irlanda, Gales, Holanda e França. Pregava ao ar livre e nos maiores edifícios, em média oito a doze vezes por semana.



A teologia de Spurgeon fluía de sua experiência com Deus e com Sua Palavra. Sua vida espiritual e sua teologia eram uma mesma coisa. Era um devorador de livros. É conhecido como o “príncipe dos pregadores”.





Charles Spurgeon


Avatar
Charles Haddon Spurgeon, referido como C. H. Spurgeon (Kelvedon, Essex, 19 de junho de 1834 — Menton, 31 de janeiro de 1892), foi um pregador batista calvinista britânico. Converteu-se ao cristianismo em 6 de janeiro de 1850, aos quinze anos de idade. Aos dezesseis, pregou seu primeiro sermão; no ano seguinte tornou-se pastor de uma igreja batista em Waterbeach, Condado de Cambridgeshire (Inglaterra). Em 1854, Spurgeon, então com vinte anos, foi chamado para ser pastor da capela batista de New Park Street, Londres, que mais tarde viria a chamar-se Tabernáculo Metropolitano, transferindo-se para novo prédio. Desde o início do ministério, seu talento para a exposição dos textos bíblicos foi considerado extraordinário. Sua excelência na pregação das Escrituras Bíblicas lhe renderam o título de O Príncipe dos Pregadores e O Último dos Puritanos.